I Ching

Certa vez Mestre Oscar Maron me fez uma pergunta: “Qual é o significado do I Ching na sua vida?”

Na hora fiquei atônita com a pergunta e a única resposta que me veio em mente foi: -“TUDO. O I Ching foi o grande divisor de águas na minha vida. Eu era uma pessoa antes do I Ching e passei a ser outra pessoa através do I Ching.”

Hoje posso dizer que através do estudo do I Ching enxerguei a vida de forma complemente diferente. O I Ching me trouxe uma clareza ao ver as situações da vida como nunca poderia imaginar ter. Tudo passou a ser extremamente SIMPLES e esta simplicidade em muitos momentos me assustou. Como posso explicar isso?

Em cada situação vivida por nós, existe um hexagrama (conjunto de 6 linhas) relacionado no I Ching. Além do hexagrama, existem os trigramas (3 linhas) e além dos trigramas, existe uma linha específica a qual estamos vivendo naquele exato momento. E todos estes dados fazem parte de um conjunto de informações muito maior e que estão relacionados entre si.

Na verdade, o que percebo e passei a viver através do I Ching é que tudo que vivenciamos está relacionado de múltiplas formas conosco e com as situações e pessoas que estão a nossa volta, ou seja, tudo se relaciona de forma integrada ao Universo. Como exemplificar isso?Hexagrama Márcia

Quando vejo uma situação vivida de obstrução, bloqueio, penso logo no hexagrama A Dificuldade / Obstrução e através do desenho deste hexagrama entendo que:

No aspecto negativo, a Água simboliza dificuldade, cilada, medo e a Montanha significa bloqueio, imobilidade, ou seja, é alguém que está imobilizado (trigrama interno Montanha) diante do medo, diante de uma dificuldade (trigrama externo Água). E como sair desta situação?

Utilizando os aspectos positivos de cada trigrama!

“Conhecendo a quietude, pode-se possuir a estabilidade.

Conhecendo a estabilidade, pode-se encontrar a serenidade.

Conhecendo a serenidade, pode-se encontrar a paz.

Possuindo a paz, então pode-se pensar.

Podendo-se pensar, pode-se agir.”

Mêncio

Podemos usar a quietude (da montanha) para refletirmos (montanha) sobre a dificuldade (água) e encontrarmos a estabilidade (da montanha), para sairmos com sabedoria (água), com adaptação (água) da cilada (da água) na qual nos encontramos.

No I Ching Flor de Ameixeira o jogo poderia ser este:

Oráculo Márcia Blog(1)  Momento de dificuldade.

(2) Dinâmica do processo: levar a situação do caos à ordem.

(3) Resultado: A União.

Ao fazermos este trajeto iremos colocar as coisas em ordem (2) para nos unirmos a algo ou alguém que nos é comum (3), ou seja, extremamente favorável.

É muito simples!

E ao mesmo tempo são milhares de informações que o Universo nos envia!

“Por trás de todas as coisas que acontecem existe um movimento interior. Se conseguirmos perceber a inteligência do movimento, nós vamos conseguir ter a inteligência da ação; para agirmos em conformidade, quando for o caso, ou em contraponto, quando for o caso.”

Oscar Maron

E como o I Ching nos traz tudo isso?

Ele simplesmente decodifica o momento que estamos vivendo e nos orienta com a melhor forma de agir dentro da situação.

A partir disso podemos alcançar a sabedoria de “viver a situação de acordo como a situação se apresenta” e sair da ilusão da situação que “gostaríamos” de estar vivendo. “É ter a sabedoria de se colocar em posição de colher o destino”, saindo da ilusão, do obscurecimento e encontrando a iluminação dentro da situação que se vive.

Se hoje Mestre Oscar me perguntasse o que o I Ching significa na minha vida eu diria: TUDO. Através do I Ching eu percebi o Universo na sua magnitude, fluindo, se renovando, nos renovando. E entendi o seu fluxo, começo, meio e fim de cada situação e seu contínuo recomeço.

Como bem diz Profº Hermógenes: “Entrego, Confio, Aceito e Agradeço.”

                                                               Márcia Maria Studart

                                                                 08 de dezembro de 2013

Márcia Maria Studart é consultora de I Ching Flor de Ameixeira, atualmente reside em Angra dos Reis, no Estado do Rio de Janeiro, e pode ser contatada através do celular número 55 024 981129305. Ao enviar-nos o artigo, escreveu:

“Foi escrito com muito carinho e também é uma homenagem àquele que é e sempre será meu Mestre. Hoje, seria o aniversário dele e só agora, quando terminei de escrever, lembrei disso.”

Muito gratas, Márcia, por compartilhar sua experiência com o I Ching Flor de Ameixeira!

Anúncios

2 ideias sobre “I Ching

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s