Espaço Construído – o valor e a utilidade

Ao materializar uma construção produzimos, simultaneamente, algum tipo de subtração ao espaço maior onde ela se insere: a construção ocupa um espaço que antes estava disponível e que passa a ser um espaço interno (da construção) ou simplesmente um espaço ocupado e, portanto, indisponível.

A esta parte do espaço maior subtraído pela existencia de uma construção vou chamar de “espaço construído”…

Nas construções destinadas à habitação, por exemplo, o controle efetivo da permeabilidade entre o espaço construído e o exterior foi a razão primeira da sua própria existência, já que o valor e a utilidade da construção seriam, basicamente, a existência de espaço vazio que abrigasse e protegesse o morador de agentes externos, fossem eles animais, outras pessoas ou até circunstâncias naturais como condições climáticas extremas.

Hoje em dia o benefício da possibilidade de abrigo e proteção oferecida pelo espaço construído aparentemente perdeu seu valor útil, diluído no meio de inúmeros outros atrativos, em especial os relacionados ao valor econômico, de tal forma que a própria utilidade do espaço construído, que é sobretudo a possibilidade de ser ocupado (o espaço vazio), passou a segundo plano…

Assim, ao observar uma construção, muitas vezes nos deixamos encantar por seus aspectos materiais, que a identificam formalmente, em detrimento da avaliação criteriosa dos seus “vazios” – os espaços propriamente ditos, que se apresentam segundo diferentes potenciais qualidades e possibilidades de ocupação.

Ninho de João de Barro

Ninho de João de Barro

“Trinta raios convergem ao vazio do centro da roda:

Através dessa não-existência

Existe a utilidade do veículo;

A argila é trabalhada na forma de vasos:

Através da não-existência

Existe a utilidade do objeto;

Portas e janelas são abertas na construção da casa:

Através da não-existência

Existe a utilidade da casa.

 

Assim, da existência vem o valor

E da não existência, a utilidade.”

Tao Te Ching, O Livro do Caminho e da Virtude, Capítulo 11

Ed. Mauad X

Anúncios

3 ideias sobre “Espaço Construído – o valor e a utilidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s