(des) Poluição de Ambientes Fechados

Várias pesquisas vêm indicando que, mesmo em cidades com um nível alto de poluição atmosférica, o ar em ambientes fechados pode estar mais poluído que o ar de “fora”, e que este facto contribui para o número preocupante de pessoas que apresentam alguma forma de alergia, respiratória ou não.

O clima quente e úmido favorece a concentração de poluentes em espaços fechados, especialmente quando associado a uma ventilação inadequada do ambiente. Mas os principais focos da poluição em ambientes fechados são fontes emissoras que nós próprios introduzimos nos ambientes, relacionadas ao combustível utilizado para cozinhar e/ou aquecer, aos produtos de higiene pessoal, de limpeza e manutenção dos espaços, aos materiais de construção, de decoração, e até mesmo a alguns equipamentos (ar condicionado, monitores, impressoras, etc).

Estas fontes emissoras liberam gases, ou partículas microscópicas, que agem furtivamente e que, além disto e, sobretudo, reagem entre si, muitas vezes potencializando sua influência.

Para além da restrição das próprias fontes emissoras de poluição em ambientes fechados, uma das várias formas de amenizar este tipo de poluição é a introdução de plantas “despoluidoras”. A seguir, algumas destas espécies que se desenvolvem bem em ambientes fechados:

Plantas Despoluidoras

in Feng Shui no Paisagismo – Harmonizando o Jardim, Maria João Bastos

Anúncios

Uma ideia sobre “(des) Poluição de Ambientes Fechados

  1. Pingback: Limpeza Energética de Ambientes – Parte 01 | Artes do Tao

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s